quarta-feira, outubro 08, 2003

Redes Europeias

Aqui onde estou, fico perto de uma imensidade de sítios. Tenho à minha volta a Bélgica, a Alemanha, e o resto da Holanda. Um pouco mais abaixo, toda a França, o Luxemburgo, a Suíça. Mais acima, a Dinamarca, sei lá. Todos estes países têm redes de transportes algo integradas, mas não se percebe a política de preços dos comboios. Há duas semanas atrás quis ir a Colónia, e tinha duas opções, o comboio ou o autocarro, ou então uma combinação dos dois... Para chegar a Colónia tinha de passar por Aachen, de qualquer maneira, e sabia que o autocarro para aí custava 8 Euros (ida e volta) e apanhava-se mesmo juntinho à estação de comboios. Ao perguntar os preços dos comboios fiquei admiradíssimo. O bilhete de comboio para Aachen custava 17 Euros (ida e volta), e para Colónia eram 44 Euros (ida e volta também). Acabei por ir de autocarro até Aachen, e aí comprámos dois bilhetes que davam para 5 pessoas cada, viajarem o que quisessem durante um dia (éramos 7). Assim, gastei 8 Euros no autocarro e outros 8 no bilhete de comboio (se fôssemos 10 ainda era menos). Como é que se justifica que se comprasse logo o bilhete em Maastricht ele custava 44 Euros?
Já sei que daqui para a frente compro só bilhete até mudar de país, e aí compro outro...
Não percebo como é que as “Redes Integradas de Transporte” nas quais se tem investido tanto por essa EU fora, ainda não têm Sistemas Integrados de Venda de Bilhetes.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home