terça-feira, dezembro 13, 2005

Com saudades de um crunch

Não, não são saudades de chocolate (embora não houvesse nada de mal com isso). Até gosto, mas não é o tipo de coisa que me tente muito...

Na firma, um crunch é um fenómeno (demasiado frequente) quando estás em stress, comm mil e uma coisas para fazer, montes de gente a pôr pressão, e apenas 2 mãos, e pouco tempo.
Também designa as noitadas. (embora se tenha mais tempo, o conceito é o mesmo)

Ontem e hoje matei saudades dos "crunches" do último projecto; noitada até às 4, a trabalhar no doc para a apresentação de hoje, e o dia de hoje no mesmo ritmo para a mesma dita cuja. Com alguns problemas inesperados nas 3 horas antes da reunião, acabei por almoçar apenas às 4, enquanto a dita cuja decorria.

É curioso que não tive sono o dia todo, até começar a reunião (onde não estive); acabou-se a adrenalina (é um fenómeno que já tenho reparado em situações anteriores).

Entretanto espero que o room service me traga uma tosta, para ir dormir, que o meu mal é sono!

Envelhecem-se anos durante estes dias...

1 Comments:

At 10:56 da tarde, Blogger Carlos Eduardo said...

Assim como assim já toda a gente diz que pareces mais velho do que eu... sendo assim já sei pq...

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home